Vazante dos rios já se aproxima de seca histórica

Manaus/AM – Nesta sexta-feira(8), A Defesa Civil do Amazonas colocou os municípios das calhas do Juruá e Purus em Estado de atenção, por conta dos níveis baixos dos rios nessas regiões. Os rios desta área estão em processo natural de vazante, mas se aproximam dos níveis históricos de estiagem.

“Nesse momento fazemos o acompanhamento hidrológico das regiões, e a avaliação técnica local. Estamos realizando também a orientação às prefeituras quanto à apresentação do plano de contingência, que compreende o levantamento de pessoas que podem ser afetadas e possíveis danos, uma vez que o executivo municipal é o responsável pela primeira resposta ao desastre”, informou o Secretário Executivo do órgão, coronel da Polícia Militar do Amazonas (PMAM) Fernando Pires Junior.

O Estado de Atenção é o primeiro estágio de um desastre, que pode evoluir para um Alerta e posteriormente para uma Situação de Emergência, e foi emitido para os municípios que compreendem as calhas do Purus (Boca do Acre, Canutama, Lábrea, Tapauá, Pauiní e Berurí) e do Juruá (Guajará, Juruá, Eirunepé, Itamarati, Ipixuna, Envira, Cararuari).

A Defesa Civil AM informa ainda que não há isolamento de comunidades, bem como desabastecimento de alimentos, danos humanos, materiais e econômicos nos municípios que integram as duas calhas, não cabendo, portanto, decretos de Situação de Emergência nessas cidades.

Fonte: Portal do Holanda

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here