Home / Capa / Seis deputados federais do Amazonas votaram pela urgência na tramitação da “reforma trabalhista” de Temer

Seis deputados federais do Amazonas votaram pela urgência na tramitação da “reforma trabalhista” de Temer

Em uma manobra do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), o plenário da Casa aprovou na noite da última terça feira(19), por 287 votos a 144, o regime de urgência para o projeto de lei da reforma trabalhista proposto pelo governo Temer, que na prática representa o fim da CLT, com retirada de direitos históricos para os trabalhadores; os deputados já haviam rejeitado o regime de urgência por insuficiência de votos, numa derrota para Temer; em protesto contra a manobra antirregimental, deputados da oposição gritaram “golpe” atrás de Maia e o acusaram de usar o “método Cunha” de votação.

Bancada do Amazonas

Os oitos deputados(as) federais do Amazonas estavam presentes. Apenas Hissa e Sabino votaram contra, o restante da bancada votou com Michel Temer. A votação da bancada amazonense ficou assim. (Quadro abaixo)
Alfredo Nascimento PR Sim
Arthur Virgílio Bisneto PSDB Sim
Átila Lins PSD Sim
Conceição Sampaio PP Sim
Hissa Abrahão PDT NÃO
Pauderney Avelino DEM SiM
Sabino Castelo Branco PTB NÃO
Silas Câmara PRB – Sim

Fonte: manausdefato.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *