Professora da rede estadual leva convidados à sala de aula para mostrar Matemática em cada profissão

Iniciativa visa incentivar alunos no estudo das Ciências Exatas

Para mostrar aos estudantes a importância e a aplicabilidade da Matemática no cotidiano adulto, a professora Cláudia de Freitas, da Escola Estadual José Ribamar da Costa, na zona oeste de Manaus, criou o projeto “Matemática nas profissões”. A iniciativa é desenvolvida com estudantes do 9º ano do Ensino Fundamental, da rede pública estadual.

Estão sendo realizadas palestras educativas com diversos profissionais convidados pela professora, como enfermeiros, dentistas, engenheiros civis, entre outros. Cláudia reforça que a iniciativa foi bem aceita pelos estudantes desde o início, e que o interesse em saber sobre o uso da Matemática no dia a dia está aumentando o interesse na disciplina.

“É importante e interessante mostrar para os alunos essa correlação com a Matemática, mas também mostrar outras profissões para eles, visto que já estão para entrar no Ensino Médio e, assim, pensar sobre o futuro deles”, frisa a professora.

Nesta quarta-feira (18/05), os estudantes receberam o ex-aluno da escola, Fernando Calderaro, que é product owner na Bemol. Ele disse se sentir honrado em poder mostrar à próxima geração a importância da Matemática.

“A professora Cláudia já foi minha professora no 9º ano também, então ser convidado para ajudar outros alunos é muito bom. Quando entrei no mercado de trabalho eu vi que, se eu tivesse dado mais importância para a Matemática, algumas coisas teriam sido mais fáceis, então trouxe aos alunos um pouco do meu trabalho, para mostrar como aplicar a disciplina e esperar que eles se esforcem cada vez mais”, comentou Fernando.

Futuro – O estudante Hilton Gabriel, de 14 anos, tem assistido às palestras dos visitantes. Ele quer seguir com os estudos na área de programação, e acredita que a Matemática é importante para sua formação e que continuará sendo uma das disciplinas mais importantes em seu futuro.

“A área com que eu mais me identifico é essa [a do palestrante], e eu pretendo seguir a área de programação também, então é essencial saber a Matemática, mas também todos deveriam aprender pois ela é a base das profissões do futuro”, avalia Hilton.

FOTOS: Eduardo Cavalcante/Seduc-AM

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.