Home / Amazonas / Presidente do Sindsul é assassinado com tiros de espingarda em Apuí
Segundo a PM, ainda não há suspeitas sobre autoria e motivação para a morte de Carlos Koch. Corpo foi encontrado no sítio da vítima

Presidente do Sindsul é assassinado com tiros de espingarda em Apuí

Manaus – O presidente do Sindicato Rural do Sul do Amazonas (Sindsul), Carlos Koch, foi assassinado com dois tiros de espingarda, na tarde desta sexta-feira (16), no sítio dele, no município de Apuí (a 435 quilômetros de Manaus). Os disparos atingiram a cabeça e o peito do sindicalista, conforme afirmou o sargento Veras de Araújo, do 2º Pelotão da Polícia Militar de Apuí, no sul do Amazonas.

Conforme Veras, ainda não há suspeitas sobre autoria e motivação para a morte de Carlos Koch. Segundo o sargento, o presidente do Sindsul foi encontrado às 15h, dentro de uma rede, no sítio dele, localizado no quilômetro 35 da vicinal Kenned, nas proximidades de Apuí.

“O filho do Carlos que procurou a polícia. Fomos ao local, mas a família estava abalada e não soube informar se o presidente do sindicato estava sozinho”, disse. Ainda de acordo com o sargento, Carlos Koch morava na zona urbana de Apuí. A família foi comunicada da morte por um morador das proximidades do sítio onde Carlos estava.

O corpo de Koch foi levado para o hospital de Apuí, onde passava por exame de necropsia, até a noite desta sexta-feira, conforme informações do sargento Veras de Araújo. O sargento relatou que a morte foi registrada na Delegacia Interativa de Apuí (DIP).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *