Home / Capa / Melo vira o placar no TRE-AM e escapa de cassação por 4 a 3

Melo vira o placar no TRE-AM e escapa de cassação por 4 a 3

O julgamento do segundo processo que pedia a cassação e a inelegibilidade do governador do Amazonas, José Melo (Pros), e do seu vice, Henrique Oliveira (SDD), foi encerrado nesta tarde de quarta-feira, dia 26, com o voto de minerva do presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AM), Yêdo Simões, favorável à improcedência da ação movida pela coligação derrotada nas eleições de 2014.

A coligação “Renovação e Experiência”, do atual senador Eduardo Braga (PMDB) e da ex-deputada Rebecca Garcia (PP), ajuizou Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije) para apurar irregularidades na campanha do governador em 2014, entre elas a compra de votos.

No início do julgamento, em junho deste ano, o processo chegou a ter quatro votos favoráveis, que depois foram revertidos e o placar ficou 3 a 3, decidido pelo presidente da corte.

O voto do relator da matéria, desembargador João Simões, foi favorável à cassação e à realização de novas eleições.

 

Foto: BNC

One comment

  1. Este cara não podia mesmo sair.
    Entre os ruim ele ainda é o melhor
    Para o nosso Amazonas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *