Identificado casal que morreu na estrada para Humaitá

Identificado casal que morreu na estrada para Humaitá

Identificado casal que morreu na estrada para Humaitá

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) identificou as duas pessoas mortas em grave acidente na BR-319, a cerca de 27 quilômetros de Humaitá, na manhã desta sexta-feira. Raquel Aguiar do Carmo Braga, 21 e Ernandilson Braga Mesquita, 43, eram casados. Ele era operador de máquinas e a Raquel uma estudante nascida em Humaitá. O casal morava no Bairro Socialista, em Porto Velho. Além dos dois, uma criança estava no veículo.

A notícia sobre o acidente foi divulgada em todo o estado de Rondônia e também no Amazonas, infelizmente a perda deste casal foi mais um claro aviso de que o uso do cinto de segurança salva vidas, a criança que vinha no banco de trás do veículo estava em uma cadeira especial utilizando o cinto de segurança, o que certamente contribuiu para o salvamento de sua vida.

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.