HUMAITÁ E PORTO VELHO DIZEM “SIM” A PACTUAÇÃO EM SAÚDE, AGORA RESTAM OS ESTADOS DO AMAZONAS E RONDONIA


A pactuação é uma palavra que significa um “acordo” entre ambas as partes. É isso que está faltando entre Amazonas e Rondônia para que os pacientes em casos graves possam ser atendidos e priorizados nos hospitais.

Recentemente a secretária de saúde do Humaitá foi até a cidade vizinha de Porto Velho em companhia de alguna vereadores, onde se reuniu com a secretaria de municipal da capital rondoniense para discutirem assuntos relacionados a pactuacão entre as duas cidades.

Humaitá atende o distrito de Calama e São Carlos e Porto Velho atende a demanda de Humaita, em sua rede municipal de saúde.

Agora falta os estados do Amazonas e Rondonia chegarem ao entendimento o mais breve possivel, para que, os casos de urgencias possam ser atendidos pela capital rondoniense.

Loading...

Estamos limitados a regulação nacional, para que, o resgate aéreo de Manaus possa ser mais céleres em casos bem extremos. O tempo perdido pela espera, pode salvar vidas com a pactuação aprovada, assim os pacientes do sul do Amazonas que precisarem de UTIs e cirurgias especializadas possam ser deslocados pela estrada, e ir direto ao leito operatório, o que não está acontecendo no momento.

A rede de saúde estadual que, embora façam partes do SUS nao está sendo aceito em Rondonia, por falta de entendimento do Amazonas com o estado vizinho.

Enquanto a decisão nao for tomada estamos em risco de perder vidas pela demora no deslocamento de pacientes a UTIs e cirurgias especializadas.


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here