Em Barcelos, crescimento na movimentação de turística em busca de pesca esportiva aponta retomada da atividade


Município da região da calha do Madeira movimenta mais de R$ 67 milhões por temporada, segundos dados da Amazonastur

Com o avanço da vacinação no Amazonas, as atividades começam a voltar à normalidade. Um dos fatores que demonstram esse retorno é o crescimento da movimentação turística em Barcelos (a 399 quilômetros de Manaus), um dos principais destinos de pesca esportiva em rio no Brasil. Desde o final do mês de agosto, até a terceira semana deste mês, mais de 700 visitantes já passaram pelo município, conforme informações da Secretaria de Turismo de Barcelos.

A cidade, situada na região da calha do Madeira, movimenta mais de R$ 67 milhões por temporada, de acordo com dados da Empresa Estadual de Turismo do Amazonas (Amazonastur). A região contempla ainda os municípios de Santa Isabel do Rio Negro e São Gabriel da Cachoeira, e concentra 50% do volume da atividade no Amazonas. Barcelos movimenta 90% dessas operações.

O presidente da Amazonastur, Sérgio Litaiff Filho, destaca que esse retorno das atividades só está sendo possível graças ao esforço do Governo do Estado para garantir a vacinação nos municípios e também à participação da população.

“Barcelos é conhecida como a capital da pesca esportiva. Nós da Amazonastur temos buscado a oferta de cursos para qualificar ainda mais os profissionais do turismo daquele município. A obra do terminal de passageiros do aeroporto de Barcelos, que iniciou em março, está bastante avançada, com aproximadamente 70% de execução. E temos a expectativa de iniciar ainda este ano o voo da companhia aérea Azul para a região, o que vai engrandecer esse segmento tão importante para o turismo de Barcelos”, disse Litaiff.

A secretária de Turismo de Barcelos, Rosângela Melgueiro, disse que uma média de 20 operadores de turismo tem atuado por semana na cidade. Ela destaca também que a entrada de turistas no município só é permitida após o cumprimento de protocolos de segurança que exigem a testes negativos para Covid-19 (RT-PCR ou swab), além do comprovante de imunização por meio do cartão de vacinação. Os protocolos de segurança sanitária são estabelecidos pela Prefeitura Municipal e também pela Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas – Dra. Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP).

Loading...

“Nessa temporada estamos retomando com muita positividade. Mais de 700 turistas pescadores esportivos já adentraram na nossa cidade. Mas, para adentrar, é necessário cumprir um protocolo bem rigoroso. A expectativa do município tem sido muito positiva porque aquece a economia, gera emprego e renda, aquece a rede hoteleira, a rede de alimentação e serviços de logística”, disse Rosângela, destacando ainda que as empresas também fazem parte do Cadastur do Ministério do Turismo, o que garante mais segurança aos turistas que visitam a cidade.

O presidente da Associação Barcelense de Operadores de Turismo (Abot), Alexandre Arruda, disse que o cenário de 2021 é totalmente diferente do que ocorreu em 2020. “A sensação de segurança dos pescadores para viajar agora é muito maior do que no ano passado, gerando um fluxo dentro da normalidade de temporadas anteriores a pandemia”, disse, afirmando também haver uma retomada das atividades.

“Sim, com toda certeza [há uma retomada]. Agora praticamente todos os operadores estão com as suas semanas reservadas até dezembro. A segunda etapa da temporada, que vai de janeiro a março, está sendo vendida com ótima procura. Apesar de estarmos no começo da temporada, a expectativa é excelente. Nós, operadores, tínhamos uma demanda reprimida devido a cancelamentos por conta da pandemia que, somada às vendas para essa temporada 2021/22, geraram um ótimo fluxo de turistas para todos”, acrescentou.
O carioca e administrador de empresas, Rodrigo Baldi, que visita a região há mais de 20 anos, esteve em Barcelos no mês de setembro e neste mês de outubro, tendo retornado para o Rio de Janeiro no último domingo (17/10). Ele conta que os protocolos de segurança foram exigidos e cumpridos por todos os operadores e visitantes.

“Acho que essa temporada se consolidou como o retorno da temporada do tucunaré na região de Barcelos e Santa Isabel. Acho que isso foi o lado positivo, ver realmente que a temporada foi muito aguardada por todos e o pessoal está comparecendo. Os protocolos sanitários foram excelentes, máscaras, álcool em gel, tripulação toda vacinada com atestado. Esses são os pontos positivos”, disse Rodrigo.

Investimento – Para garantir um melhor atendimento ao turista que visita a cidade, um convênio entre o Governo do Estado e o Ministério do Turismo deu início, em março deste ano, à obra de reforma e ampliação do terminal de passageiros do aeroporto de Barcelos. A obra passa dos 70% de execução no momento, e possui um investimento de mais de R$ 1 milhão.

FOTOS: Janailton Falcão e Rodrigo Baldi/Arquivo pessoal


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here