Aumenta o número de famílias endividadas no Amazonas, o número é maior na capital

Cerca de 62% das famílias de Manaus possuem dívidas. É o que aponta os dados da Federação do Comércio de São Paulo (Fecomércio). Os dados revelam, também, que os devedores chegam a efetuar um pagamento de em média R$1.300 de dívidas por mês. A capital amazonense ocupa a quarta posição de maiores devedores no ranking elaborado pela instituição de pesquisa.

Nas ruas de Manaus, a população explica a situação financeira.

“A minha situação está difícil, complicada. Do mesmo jeito, de todas que estão sem trabalho”, lamenta a dona de casa Mariane Brasil.

De acordo com José Fernando, economista da Fecomércio do Amazonas, endividamento se deve pela política econômica praticada na última década e que estimulou o consumo.

“Houve uma redução da inflação e aumento das rendas familiares. E as famílias começaram a se endividar. Veio a crise, o desemprego e isso teve uma influência muito grande nesse endividamento em nossa cidade”, explica o economista.

O endividamento não preocupa o comércio. A expectativa é de que, no segundo semestre, as vendas aumentem.

“Acreditamos que nesse segundo semestre haverá sinais evidentes de que nós teremos um dinamismo muito grande pro segmento comercial. Temos agora a semana da criança, vendas de final de ano. Aquele evento que já está se mostrando muito promissor que é o ‘black friday’. Então nós acreditamos que este ano resultados da atividade comercial apresentarão uma variação positiva em relação ao mesmo período do ano passado”, finaliza.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here