Apoio de Melo será para Arthur, diz líder do governo

Faltando 34 dias para o início das convenções partidárias em que serão oficializadas as candidaturas majoritárias para estas eleições, o apoio do governador José Melo (Pros) é dado como certo ao projeto de reeleição do prefeito Arthur Neto (PSDB). A informação é do líder do governo na Assembleia Legislativa do Estado (Aleam), deputado David Almeida (PSD).

Conforme o parlamentar, Melo não irá apoiar outros nomes que se apresentam à disputa, o que significa que seu vice-governador, Henrique Oliveira (SDD) – pré-candidato a prefeito – marchará sem o apoio do “chefe”.

“Eu não acredito que o governador vá apoiar outros pré-candidatos. Estamos trabalhando para refazer a mesma aliança com o Arthur (Neto)”, ressaltou o deputado. David Almeida também defende a indicação do presidente da Aleam, deputado estadual Josué Neto (PSD), para compor a chapa como vice de Arthur Neto.

Segundo o líder do governo, o grupo tem uma dívida de gratidão da parceria e apoio que receberam de Arthur Neto e do senador Omar Aziz (PSD) nas eleições de 2014, em que Melo foi eleito governador. Ele destaca que essa união poderá se repetir nas eleições deste ano. “Fizemos uma chapa conjunta, que foi vitoriosa tanto para o governo como para o Senado. Acredito que a aliança de 2014, que deu bastante certo, possa se repetir em 2016”, salientou o deputado.

David Almeida informou também estar esperançoso num julgamento favorável do processo de José Melo no Tribunal Superior eleitoral (TSE), que ainda não tem previsão para ser julgado. “O governador contratou os escritórios de advogados que fundamentaram a defesa e nós acreditamos que sem dúvida o TSE vai decidir de forma favorável aos argumentos do governo. Inclusive, o processo pode até retornar ao Tribunal Regional Eleitoral, para que possa ser feito as perícias e ouvidas as testemunhas”, disse.

Já o prefeito Arthur Neto tem adotado o discurso da cautela e evitado falar em reeleição. Em suas recentes declarações, ele tem afirmado que seu foco no momento é a cidade e que falar sobre o tema neste momento “lhe dá dor de cabeça”.

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.