Ação da Polícia Federal com Exército e órgãos ambientais prende 8 garimpeiros em “Área de Proteção Ambiental do Rio Madeira”

Oito pessoas foram presas pela Polícia Federal, em conjunto com o Exército Brasileiro, ICMBio e Polícia Militar Ambiental, durante a uma operação de fiscalização, que teve como objetivo combater o garimpo ilegal no Rio Madeira, em área pertencente a Unidade de Conservação Parque Nacional do Mapinguari.

Além das prisões em flagrante, os policiais aprenderam armas de fogo, munições e mercúrio. O trabalho dos órgãos estadual e federal têm sido constante no combate aos crimes ambientais em Rondônia.

Todos os presos, foram encaminhados para o presídio Pandinha, onde ficaram disposição da justiça.

Outras ações

Na noite do dia 8 de julho deste ano, três gerentes de dragas foram presos em flagrante durante uma operação do Batalhão de Polícia Ambiental de Porto Velho, para combater a extração ilegal de ouro na Área de Proteção Ambiental do Rio Madeira.

Após denúncia da presença de dragas ancoradas na margem esquerda do rio que, segundo relatos de moradores, estavam atuando embaixo da ponte no período noturno.

Durante a abordagem, os policiais apreenderam as dragas, equipamentos e maquinários usados na extração de ouro. Somadas as multas chegam a R$ 450 mil.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here