Vigilância Sanitária e Delegacia do Consumidor descobrem água de poço sendo vendida como mineral

A Vigilância Sanitária e a Delegacia do Consumidor de Porto Velho descobriram mais um estabelecimento comercial que praticava crime de relações de consumo. Dessa vez, foi em uma residência localizada em Extrema, distrito de Porto Velho, que funcionava clandestinamente como envasadora de água mineral. A água era vendida para os clientes por R$ 5.

Vigilância Sanitária e Delegacia do Consumidor descobrem água de poço sendo vendida como mineral

Fonte: Agua Mineral

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here