Terapia a laser ajuda na cicatrização de lesões

Baseada em uma tecnologia de baixo custo e bastante eficaz, a laserterapia é utilizada, atualmente, por diversas especialidades inseridas na área da saúde. Entre as vantagens do método, está a cicatrização mais rápida de lesões, o que pode beneficiar, por exemplo, portadores do diabetes tipo 1, que comumente apresentam lesões nos pés e nas pernas em função do descontrole dos níveis de glicose no organismo.

No último domingo, 17, Manaus recebeu o curso de Laserterapia, fruto da parceria entre o Serviço de Enfermagem e Gestão em Saúde do Amazonas (Segeam) e o Instituto Beatriz Yamada, de São Paulo. O foco foi o tratamento de pessoas com lesões agudas e crônicas de pele e com demandas de Podiatria. A atividade ocorreu na sede do Segeam, na avenida Umberto Calderaro Filho, n°1015, sala 104, Parque Dez.

Pesquisas recentes apontam que o uso de laser de baixa intensidade tem ajudado no reparo de tecidos e pode auxiliar, ainda, no tratamento da dor e de inflamações, potencializando a recuperação.

A enfermeira da Segeam, Karina Barros, explica que o treinamento de enfermeiros que atuam no Amazonas é importante no processo, já que Manaus abriga unidades públicas que desenvolvem o programa Pé Diabético, cuja finalidade é atender ao público com lesões decorrentes da doença e que necessitam de tratamento especializado.

“O contribuiu com a atualização desses profissionais, a partir de novas metodologias que auxiliem na aplicação desse tipo de terapia, que tem se mostrado inovadora em algumas áreas”, destacou.

No caso específico da Podiatria (clínica especializada em podologia, disciplina dedicada à saúde dos pés), a técnica também ajudará na redução da ocorrência de amputações dos pés de pessoas com diabetes devido a procedimentos mal conduzidos, promovendo a melhoria da qualidade de vida.

O curso teve como facilitadora a doutora Beatriz Farias Alves Yamada, que possui 30 anos de experiência clínica, sendo 21 deles como especialista, com mais de uma década de ensino de laserterapia com programa próprio, já tendo treinado centenas de profissionais pelo país.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here