Sejel e Aades assinam termo para continuidade de projetos em 2019

Dando continuidade aos trabalhos da Secretaria de Estado de Juventude, Esportes e Lazer (Sejel), em parceria com a Agência Amazonense de Desenvolvimento Econômico e Social (Aades), foi realizada nesta quarta-feira (27/03), às 14h, na Arena Amadeu Teixeira, a assinatura do 3º Termo Aditivo para a execução dos projetos Centro de Treinamento e Alto Rendimento do Amazonas (Ctara) e Centros Estaduais de Convivência da Família e do Idoso (CAFs) para o ano 2019.

 

O secretário da Sejel, Caio André de Oliveira, destacou a importância da ação. “A parceria com a Aades na repactuação dos projetos é de suma importância, principalmente porque poderemos continuar atendendo os atletas e a comunidade como um todo. São dois projetos de uma envergadura maravilhosa e que atingem de maneira positiva todos os envolvidos”, disse.

A partir de agora, os projetos tem um novo formato. Essa repactuação traz o enxugamento de cargos e diminuição de compras, dando-se ênfase nas áreas afins, o que será usado para garantir uma eficiência maior nos serviços prestados à população. Dessa forma, há uma redução no valor global dos projetos, que passam a ser geridos com um orçamento menor, entretanto a qualidade dos serviços prevalece.

Para o presidente da Aades, Mike Ezequiel dos Santos, esse apoio do Estado através dos projetos da Sejel, tendo a Aades como gestora, é essencial para os bons resultados alcançados pelos atletas, principalmente pelo investimento que é feito para que o esportista tenha condições de desenvolver sua modalidade no alto rendimento. “Tudo isso fará a diferença e sabemos que é um incentivo ao esporte, à saúde, à dignidade, à melhoria na qualidade de vida, entre outros. Estamos aqui como facilitadores”, garantiu o presidente da Aades.

O presidente da AADES, que é ex-atleta, afirma que o incentivo ao esporte gera qualidade de vida para juventude e eleva o nome do Estado com títulos esportivos. “Os projetos de incentivo ao esporte são de grande importância, pois eu sou ex-atleta e sei das dificuldades que cada atleta passa, e esse projetos auxiliam muito a vida do esportista, principalmente nas competições fora do Estado”, afirmou.

Para o coordenador do Ctara, Tadeu Picanço, os ajustes no projeto serão para beneficiar os envolvidos. “Fizemos a reapresentação do novo plano de trabalho do Ctara e, com os ajustes, buscaremos torná-lo mais eficaz. Iremos investir nos atendimentos aos nossos atletas e procurar estimulá-los a desenvolver suas potencialidades. Tenho certeza que dessa forma, estaremos contribuindo de forma bastante positiva nos resultados de cada um deles”, concluiu.

Raquel Barbosa, atleta de judô, que recebe o apoio esportivo a partir do projeto Aades com o Ctara, ressalta as conquistas realizadas por ela nessa modalidade. “Já ganhei muitas medalhas no judô representando o Amazonas. Já fui selecionada para a seleção principal brasileira e as duas últimas competições que eu participei foi final do ano passado, em que fui campeã da Copa Fortaleza. E ganhei o terceiro lugar no Us Open de judô nos Estados Unidos”.

A presidente da Associação Paradesportiva Do Norte (Apan), Najara Bentes, comentou que houve resultados positivos para os atletas dessa modalidade que representaram o Amazonas fora do Estado e ressaltou a importância do esporte na vida das pessoas com deficiência. “O esporte muda o social da pessoa, a partir do momento em que ela começa a praticar já começa a inclusão na sociedade. E a parceria que a gente tem com a Sejel e a Aades ajuda e muito a nossa associação, através de passagens, treinamentos na Vila Olímpica. Assim, agradeço muito as pessoas que têm feito essa parceria para que se desenvolva o esporte para que possamos competir e elevar o nome do Estado”.

CTARA-SEJEL

O projeto de Implementação do Centro de Treinamento de Alto Rendimento da Amazônia beneficia os atletas do Ctara em ações que visam desenvolver, democratizar e universalizar a prática esportiva de alto rendimento, oferecendo condições de excelência material e profissional para os atletas e paratletas, além de promover intercâmbios internacionais.

O projeto abrange a Vila Olímpica de Manaus, oferecendo treinamento técnico e atendimento multidisciplinar nas especialidades de medicina do esporte, psicologia, nutrição, massoterapia, fisioterapia no esporte e odontologia, para o mínimo de 100 atletas e paratletas nas nove modalidades olímpicas (atletismo, boxe, ginástica rítmica, ginástica artística, judô, luta olímpica, natação, tênis de mesa e tiro com arco) e cinco paraolímpicas (atletismo, natação, tênis de mesa, halterofilismo e tiro com arco), durante os 24 meses da execução do projeto.

CAFs – SEJEL

O Projeto de Apoio às Atividades da Sejel nos Centros Estaduais de Convivência da Família e do Idoso na Cidade de Manaus tem como finalidade apoiar ações que contribuam para a melhoria da qualidade de vida das famílias, idosos, pessoas com deficiência por meio de atividades esportivas, culturais e atendimentos de reabilitação fisioterápica.

O alcance do projeto abrange os sete CAFs da capital: Centro de Convivência da Família Pe. Pedro Vignola, Centro de Convivência da Família Teonízia Lobo de Carvalho, Centro Estadual de Convivência do Idoso, Centro de Convivência 31 de Março, Centro de Convivência André Araújo, Centro de Convivência Magdalena Arce Daou, Centro de Convivência da Família Maria de Miranda Leão, com atendimento de aproximadamente 367 mil comunitários, por meio de atividades esportivas, lazer, culturais, exames antropométricos, acompanhamento psicossocial e atendimentos de fisioterapia, além da promoção de cursos de qualificação profissional, inclusão digital e idiomas, durante os 24 meses da execução do projeto.

FOTOS: MAURO NETO/SEJEL E DIVULGAÇÃO/AADES

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here